Eneagrama

As origens do Eneagrama

Eneagrama é um instrumento que propõe nove Tipos ou estruturas de personalidade. Acumula uma tradição oral de cerca de 4.500 anos, que nas últimas décadas vem sendo resgatada, com sinais de grande potencial de ajuda. Situa-se como proposta de ponte entre a Psicologia e a Espiritualidade. É uma tipologia dinâmica, aberta ao crescimento, que se coaduna com as descobertas das grandes escolas psicológicas da atualidade, integrando-as e indo além delas, num esquema que consegue conjugar profundidade e simplicidade de compreensão. É um instrumento de auto-conhecimento e sobretudo um caminho de crescimento! Aqui reside sua especial riqueza: além de ser uma chave de leitura para a pessoa se entender, ele aponta pistas concretas de amadurecimento, ajudando cada pessoa a desenvolver suas potencialidades e a lidar melhor com seus pontos fracos. Não promete milagres. É um mapa claro que indica o caminho mas não substitui o esforço pessoal. Nenhum Tipo é melhor que o outro. Todos têm potencialidades fantásticas e todos têm tendências negativas. Tudo depende do amadurecimento. Não há julgamento moral: as tendências são geralmente inconscientes e devem ser encaradas naturalmente como humanas.

O que é Eneagrama?

"Eneagrama" é uma junção de dois termos (Enea=Nove; Grama=esquema, gráfico). É tradicionaimente representado por um círculo com uma estrela de nove pontos, referindo os nove tipos de personalidade que considera. É um siste­ma dinâmico, pois não considera a pessoa humana presa a determinismo ou a esquemas fixos. Respeita a singularidade, a originalidade e as peculiaridades do indivíduo, numa perspectiva de mudança e libertação do determinismo. É um dos poucos sistemas que se preocupam com o comportamento normal e elevado, mais do que com o comportamento doentio.

Condensa uma grande sabedoria psicoló­gica, num modelo compacto e fácil de compre­ender, situando-se numa perspectiva de ponte entre a psicologia e a espiritualidade. Enquanto a psicologia procura responder ao "Por quê", a espiritualidade dá resposta ao "Para onde"... O Eneagrama integra estas duas dimensões fundamentais da pessoa humana. É seu primeiro objetivo ajudar a pessoa a se conhecer, a se entender, a ter clareza da estrutura de sua personalidade, com suas energias, suas compulsões, seus valores e potencialidades. Num segundo plano, ajuda a pes­soa a compreender os outros como eles são e não a partir do nosso ponto de vista. Além disso, o Eneagrama propõe, para cada tipo de personalidade, um caminho pró­prio de crescimento-integração-amadurecimento, numa relação interna dinâmica que pressupõe um movimento da pessoa até os outros Tipos de círculo.

Se cada ser humano é único... pode parecer odioso querer encaixá-lo em categorias. O Eneagrama respeita esta individualidade sagrada de cada pessoa, pois considera um vasto campo de diversos níveis de crescimento, apresentando-se como um meio confiável para traçar um mapa de quem somos e para onde vamos, de maneira a não nos perdermos no caminho.

É um sistema que se manteve vivo... porque funciona: uma psicologia funcional da persona­lidade, precisa e prática, teoricamente completa e elegante, segundo o parecer de Richard Riso, psicólogo e terapeuta, um dos maiores espe­cialistas do Eneagrama.

Ao entrarmos em contato com o Eneagrama, temos a consciência de que começamos um processo sério, fascinante e ao mesmo tempo atemorizante, como a toda viagem à descoberta de nós mesmos.

 Pe. Domingos Cunha